Sabotage & Mano Brown na música ‘Love Song (A Maior Dor de Um Homem)’ é a melhor coisa que você vai ouvir hoje, de novo!

Sabotage Vive!

0

Lendas podem dormir, mas elas nunca morrem” e essa faixa é a prova disso, em 2018 completou 15 anos da morte do Sabotage e é incrível como tudo que sai dele após a morte mostra o quanto ele era o cara, autêntico, inovador e eclético.

Originalmente gravada em 2003 por Daniel Ganjaman, “Love Song (A Maior Dor de Um Homem)” teve uns arranjos novos por DJ Kalfani, filho de KL Jay Duani. A música fala sobre os sofrimentos de um romance que se acabou, e gira em torno de algumas declarações para reatar o relacionamento.

A faixa que teve junção do Mano Brown, tem uma das letras mais fortes da história do RapBR em quesito love song, como Brown diz aqui.

“Amor doente, instinto suicida / Eu vi, existe sim, uma sujeira a ser varrida / Côncavo e convexo, sexo dos deuses / Aqui você gozava muitas vezes, lembra? / Eu era quase um zero, me tornei notório / Cresci, apareci, você me viu tão sério / Estúpido ateu, súdito seu, fã / Buceta que eu amei como se não houvesse amanhã / ‘Pode ir’, falei pra ela”

E o Sabotage deixa claro no refrão o quanto é orgulhoso, se liga:

“Linda, não vá, pense e volte! / Lembre das vez que eu fiz o bem / Pedir desculpas nunca foi meu forte / Por ter orgulho eu vacilei”

Ouça a faixa aqui.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.