Um jogador de Minecraft acredita no racismo reverso!

1

Monark, ficou conhecido nacionalmente na comunidade gamer, como um jogador habilidoso de Minecraft, mas o tempo foi o levando ao ostracismo e hoje não tem muita relevância dentro da comunidade gamer, talvez por ociosidade resolveu tuítar bobagens.

Para o gamer, se você chama alguém de “branco de merda”, você está sendo racista com essa pessoa. Sim, você não está lendo errado, você leu exatamente isso, e a única coisa que eu posso dizer, é que alguém precisa levar esse jovem para o mundo real.

Aka Rasta e Rodrigo Zin se posicionaram contra esse tweet, o Rodrigo Zin curtiu um comentário que falava que as pessoas precisavam usar menos drogas e o AkA Rasta comentou no próprio tweet de Monark que ele é um branco de merda.

1 comentário
  1. Vinícius Diz

    Verdade, realmente racismo inverso não existe. O que existe é racismo, seja ela de ambas as cores. Duvida? Consulta o dicionário.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.